Ferramentas para vender planos de saúde: veja as 8 melhores!
8 ferramentas para vender plano de saude

Conheça 8 ferramentas para vender planos de saúde

As ferramentas para vender planos de saúde podem oferecer um diferencial para quem atua na corretagem de seguros.

Elas possibilitam a personalização do relacionamento com os consumidores, além de favorecer as corretoras que estão em busca de aumentar a carteira de clientes.

Graças ao avanço tecnológico, estabelecer laços duradouros com o público tornou-se mais simples. Por meio da Internet, é possível realizar um estreitamento entre cliente e corretora.

No entanto, muitas companhias ainda podem não utilizar esses recursos, deixando de aproveitar suas vantagens por não saber como funcionam.

Por esse motivo, é importante conhecer as principais ferramentas para vender planos de saúde, para criar um vínculo com os clientes e ter novas possibilidades de melhorar as vendas desses produtos.

Quais as melhores plataformas para vender plano de saúde na corretora de seguros?

Para um corretor que está iniciando, conhecer quais as principais ferramentas para vender plano de saúde pode parecer complicado, já que é necessário seguir a legislação vigente disponível na Agência Nacional de Saúde (ANS).

No entanto, existem outros desafios na área que são enfrentados pelo corretor, como:

  • Saber quem são os clientes;
  • Como encontrá-los;
  • Em quais canais de comunicação abordar o público-alvo.

Além disso, é necessário ter conhecimento técnico para aplicar as melhores estratégias do marketing digital.

O uso de ferramentas para vender planos de saúde vem crescendo em ritmo constante nos últimos anos. Afinal, além de melhorar a comunicação que existe entre a empresa e o cliente, ela promove uma alta performance de atuação.

Nesse caso, vale a pena conferir algumas das recomendações que separamos para auxiliar companhias e profissionais a oferecer suas apólices de maneira mais fácil:

1.Vendas online

As melhores plataformas de vendas online contam com recursos para criar mais conversões, ou seja, gerar mais leads.

Portanto, antes de escolher uma das ferramentas para vender planos de saúde, os empreendedores devem conhecer as alternativas disponíveis.

Afinal, não basta ter em mãos um produto ou serviço essencial para os consumidores, mas o conhecimento do varejo também importa.

Neste sentido, apostar em ferramentas digitais é a alternativa indicada para maior atração e retenção de clientes.

Porém, antes de apostar em qualquer ferramenta digital, os empreendedores devem pensar na experiência dos usuários. E essa experiência depende da plataforma escolhida para a divulgação.

Ainda, as melhores ferramentas digitais oferecem alguns recursos e funcionalidades em comum. Porém, para entregar as melhores ofertas para os consumidores, as empresas se portam de maneira diferente.

Por essa característica, a busca pelas melhores ferramentas para vender planos de saúde costuma ser difícil. Assim, antes de investir na internet, não ignore as exigências e serviços que ela possui.

Para auxiliar nessa busca, confira alguns exemplos de plataformas de vendas online disponíveis:

Redes Sociais

Para melhorar o relacionamento da empresa com os clientes, uma alternativa é apostar no uso das redes sociais.

As marcas podem ter muito a ganhar ao apostar nas principais redes sociais, independentemente do segmento. Entre os principais benefícios de utilizar as mídias, destaca-se o alcance de mais clientes.

De acordo com dados divulgados pela InfoMoney, as empresas que atuam com vendas pelas redes sociais, tiveram um aumento de 27,6% em suas vendas.

Além disso, mesmo que a empresa não realize nenhuma venda nos primeiros dias, o negócio continua crescendo. Isso oferece maior reconhecimento da marca no mercado, alcançando um local mais longe do que antes.

WhatsApp

Hoje o WhatsApp é uma das principais ferramentas para melhorar a comunicação entre a empresa e os clientes, além do diálogo ser rápido e eficiente. Porém, os planos de saúde devem ser oferecidos com cautela.

Para que a abordagem dos clientes não seja invasiva, é necessário apostar em um sistema de mensagens padronizadas.
Esse procedimento é fundamental para trabalhar com o leads, principalmente aqueles que já fazem parte da lista de contatos.

Além disso, os empreendedores podem apostar em ações de prospecção direta, além de estratégias de venda por inbound marketing.

Para isso, lembre-se de conhecer todas as técnicas e estratégias de venda, principalmente para encontrar aquela que melhor atende às suas necessidades.

Ainda, o WhatsApp pode ser aproveitado de outras maneiras. Ou seja, invista em vídeos informativos, com as principais novidades e promoções para obter os planos de saúde das operadoras.

Linkedin

A princípio, o LinkedIn foi criado com o objetivo de reunir as pessoas em torno dos negócios. Isso significa que essa plataforma é focada, principalmente, para o mundo corporativo.

Entretanto, assim como as demais redes sociais e o WhatsApp, essa ferramenta pode ser usada para a criação de anúncios.

E, mesmo que a maioria dos empreendedores imagine o contrário, o LinkedIn é uma das melhores opções para criar estratégias.

Quando essas ferramentas são utilizadas da maneira correta, é possível atrair e reter novos clientes facilmente. Vale ressaltar que essa rede social é conhecida como uma das principais em termos de Marketing B2B.

Esse recurso também é importante para o fortalecimento da marca no mercado. Além disso, ela serve para a atração de novos talentos, assim como para melhorar o relacionamento com os parceiros.

2.E-mail marketing

O e-mail marketing é uma das ferramentas para vender planos de saúde mais funcionais do mercado, pois atua na troca de e-mails.

Este procedimento leva em consideração o disparo automático que acontece entre a empresa para os clientes. Assim, essa ação é essencial para a melhoria do relacionamento entre ambas as partes.

A maioria das pessoas já recebeu, pelo menos, um e-mail em sua caixa de entrada com promoções de produtos e serviços. Além disso, essa função também pode ser usada em outras situações, como a confirmação de pagamento.

Porém, antes de investir no e-mail marketing, os empreendedores devem manter o foco nos clientes e criar um cronograma. Esses dois elementos fazem toda a diferença para apresentar informações específicas.

Veja outros recursos que envolvem essa opção:

Mailchimp

O Mailchimp ajuda a equipe de marketing todos os dias na empresa. Trata-se de uma ferramenta utilizada para atrair e reter novos clientes, além de melhorar o relacionamento entre a empresa e o cliente.

Para se comunicar com os clientes através do e-mail marketing, essa é uma das melhores recomendações. A versão gratuita da plataforma permite o disparo de 10 mil e-mails. E, por mês, 2 mil novos contatos podem ser adicionais.

Trata-se de uma plataforma extremamente popular, principalmente entre os empreendedores que buscam esse tipo de divulgação. Vale ressaltar que a plataforma é utilizada no mundo inteiro.

e-Goi

Enquanto isso, a e-Goi é outra plataforma de automatização de e-mail. Ao investir nesta ferramenta, os empreendedores conseguem enviar e-mails, SMS, mensagens por voz, redes sociais, entre outros.

Com o auxílio do programa, os empreendedores conseguem alcançar a sua audiência e, ao mesmo tempo, poupam recursos. Além disso, para melhorar os resultados, ela permite a automação das atividades.

Os empreendedores conseguem criar e-mails profissionais em poucos minutos. Além disso, existem alguns templates prontos, com um design profissional e personalizável.

3.Landing Pages

As Landing Pages são páginas que possuem todos os elementos para realizar uma conversão. E este procedimento é válido no caso dos visitantes ao lead, além de criar novas oportunidades para os clientes.

Essas páginas também são conhecidas como “aterrisagem”, “conversão” ou “captura”. Além disso, para que as campanhas de marketing sejam um sucesso, essas páginas são consideradas um grande sucesso.

Assim, também são ferramentas para vender planos de saúde interessantes para as companhias

4.Leadlovers

A Leadlovers é uma plataforma que agrega muito no marketing digital feito pelas empresas. Além disso, o principal objetivo da ferramenta é ajudar as marcas a alcançar o seu objetivo final; atrair e reter novos clientes.

A princípio, essa ferramenta funciona como uma máquina de vendas, tanto para as empresas no mundo digital quanto nos estabelecimentos físicos. Por esse motivo, ela é indicada para todos os tipos de segmentos.

Entre as principais características da plataforma, destaca-se os resultados gerados pela ferramenta. Ao investir nessa plataforma, todo o funil de vendas será concentrado em um único lugar.

5.RD Station

A RD Station foi lançada pela Resultados Digitais. Trata-se da maior empresa de automação de marketing da América Latina.

Este sistema funciona de maneira simples e prática, com o objetivo de criar ações rápidas e ágeis. Ou seja, ao apostar na RD Station, os empreendedores não perdem tempo configurando a ferramenta.

O sistema é fácil de utilizar, além de apresentar uma interface na língua portuguesa. Esse é um grande benefício, principalmente para as pessoas que não falam bem inglês.

Para usufruir do plano da RD Station, os empreendedores devem investir R$39,90 ao mês. Vale ressaltar que esse valor conta com a integração total da plataforma.

Além disso, existem variações para utilização em vários momentos da estratégia:

CRM – RD Station

A RD Station CRM é uma das melhores plataformas para o armazenamento de dados. Lançado pela Resultados Digitais, essa é considerada a maior empresa de automação na América Latina.

Este sistema funciona de maneira simples e prática. E, entre as principais características da plataforma, destaca-se o seu objetivo: completar as ações de maneiras rápidas e ágeis, sem a necessidade de perder tempo configurando a ferramenta.

O plano oferecido pelo programa é interessante, principalmente para quem busca por ferramentas para vender planos de saúde.
Essa ferramenta não possui nenhuma limitação em seus recursos, seja dos contatos ou usuários da plataforma.

E-mail marketing – RD Station

A RD Station é mais uma plataforma que permite aos empreendedores criar páginas de conversão. Neste caso, a ferramenta conta com um plano gratuito, mas não existe nenhuma limitação para utilizá-la.

Por essa característica, novos usuários são cadastrados na plataforma diariamente. Além disso, por possuir uma interface em português, os usuários não encontram grandes dificuldades de utilizá-la.

6.CRM

Os dados são recursos extremamente valiosos nas ferramentas para vender planos de saúde. Por esse motivo, invista em programas que ajudem a armazenar, empregar e gerenciar a inteligência com novas informações.

Por exemplo, o CRM funciona como uma ferramenta de gestão de contatos. Além disso, através dessas plataformas, é possível realizar o monitoramento dos clientes.

Para classificar os potenciais clientes dos planos de saúde, essas ferramentas são indicadas. Neste caso, o vendedor organiza a agenda de tarefas, além de traçar estratégias para alcançar o próximo ciclo da compra. Ele também inclui recursos adicionais como:

Agendor

O Agendor é um CRM de origem brasileira, elaborado principalmente para as pequenas empresas, independentemente do segmento.

O principal objetivo dessa plataforma é diminuir o risco de perda de oportunidades.

Pipefy

Enquanto isso, a Pipefy é uma startup brasileira que vem ganhando cada dia mais destaque no mercado.

Trata-se de mais uma plataforma com diversos recursos, principalmente para a coleta e armazenamento de dados, disponível em ferramentas para vender planos de saúde.

7.Análise de concorrência

A análise de concorrência é um procedimento essencial para os empreendedores que querem alcançar o sucesso. Ao conferir esses dados, será possível melhorar as ações de marketing realizadas em seu negócio.

Ou seja, entre as ferramentas para vender planos de saúde, essa é uma prática que se destaca.

Ainda, essas plataformas permitem converter e fidelizar novos clientes, além de se manter à frente da concorrência. Alguns exemplos incluem:

Similarweb

A Similarweb é uma das melhores plataformas de análise de sites. Além disso, através dessa ferramenta, os empreendedores conhecem mais sobre o mercado e monitoram os concorrentes.

Entre as principais informações encontradas na plataforma, destaca-se as seguintes:

  • classificação na busca;
  • número de visitas obtidas no site;
  • origem do tráfego nas páginas.

Lompite

A Lompite é mais uma das plataformas que permite a análise da concorrência.

Dessa forma, os dados, essenciais para qualquer empresa, principalmente aquelas que querem alcançar bons resultados, se tornam mais acessíveis.

8.Anúncios pagos

Os anúncios pagos, também chamados de “links patrocinados”, são mais uma maneira de destacar a sua empresa no mercado.

Trata-se de todas as propagandas criadas para divulgar serviços ou produtos de uma empresa.

Esses anúncios costumam ser destaque nas principais mídias sociais. Além disso, elas auxiliam a empresa a chegar em uma posição relevante na internet, quando aplicadas corretamente.

Eles podem ser incluídos em plataformas como:

Facebook

A princípio, o Facebook é uma das principais redes sociais para publicar anúncios pagos.

Este procedimento é conhecido como “Facebook Ads”, sendo um sistema de mídia paga para divulgar os produtos e serviços de uma empresa.

Assim, empresas de seguros e convênios também podem contar com esse recurso para vender planos de saúde.

Instagram

Ainda, de maneira semelhante ao Facebook, o Instagram também é uma plataforma que permite pagar por anúncios.
E, assim como a anterior, ela é uma das ferramentas mais utilizadas para criar publicidade online.

Qual a melhor ferramenta para vender plano de saúde na sua corretora de seguros?

Antes de investir em uma das ferramentas para vender planos de saúde, é importante fazer uma análise completa do mercado e do público-alvo.

Nesse caso, a melhor plataforma para vender produtos ou serviços é aquela que atende às suas necessidades. Além disso, ela deve aprimorar a experiência dos clientes e ser útil em processos de vendas e análise.

Assim, lembre-se que todas essas ferramentas são importantes e fazem a diferença, mas existem algumas alternativas, como o CRM, que são essenciais no setor de saúde.

Por isso, considere essas sugestões e veja qual se enquadra melhor no perfil da sua companhia, para aumentar as vendas na sua corretora e alcançar resultados mais positivos.

O que achou do conteúdo sobre as ferramentas para vender planos de saúde? Em nosso blog, você encontra mais conteúdos voltados para o mercado de corretagem e consórcios.

Ultimas Postagens